Escritor Pedro Mello: “Sou poeta, sem dúvida”

Pedro Mello

Começou a conhecer-se melhor através da escrita. Pedro Mello poderá ser uma das mais iminentes promessas da literatura poética portuguesa. Ao candidatar-se para o curso de enfermagem, o destino quis que viesse para o Porto, cidade onde vive há 19 anos. O fascínio desde criança pelos livros permitiu-lhe desde muito cedo escrever poesia, guiões para peças de teatro na escola, romances e muitos pensamentos nunca duvidando daquilo que escrevia. Em 2013, apresentou o seu primeiro livro «Margens», revelando um estilo literário muito próprio. Confessa que a poesia está no seu ADN sentindo-se “poeta”, estilo que evidenciou na obra lançada em 2015, «Poesia Transdérmica – O ópio das palavras». Tem atualmente em desenvolvimento três obras: um livro de ensaios «Ensaios sobre o Tudo e o Nada», outro de poesia infantil «O Mundo de Mim» e um romance «Pedaços de Céu». A juntar ao gosto da escrita, é Professor na Universidade Católica dedicando-se ao Ensino da Enfermagem. É ainda investigador no Centro Interdisciplinar em Saúde, onde aprofunda a investigação sobre o Modelo de Avaliação, Intervenção e Empoderamento Comunitário que desenvolveu no seu Doutoramento. Pedro Mello prevê ainda o desenvolvimento de uma peça de teatro que conjugue uma adaptação do livro «Poesia Transdérmica» com a representação, para promover a compreensão da poesia como algo identitário do “Ser Humano” na vida quotidiana.
Conheça melhor nesta entrevista Pedro Mello
Ler mais…